| dez , 27 , 2019

Crivella e João Mendes inauguram novo CRAS em Paciência



O Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Iacyra Frazão de Souza, em Paciência, foi inaugurado hoje pelo prefeito Marcelo Crivella, e pelo secretário municipal de Assistência Social e Direitos Humanos, João Mendes de Jesus. A nova unidade será responsável por cerca de 1200 atendimentos por mês, beneficiando os moradores de Paciência e parte de Santa Cruz.

“Inaugurar este CRAS não é menos nobre do que inaugurar uma arena olímpica. Talvez, se fosse um grande estádio, seria notícia até na mídia internacional, mas aqui se planta para a eternidade” — afirma Crivella. O prefeito ressaltou ainda o trabalho extraordinário que vem sendo feito pelas assistentes sociais da Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (SMASDH), sob a liderança do secretário João Mendes, tendo como inspiração Iacyra Frazão, cujo trabalho, ressaltou ele, se eterniza no novo CRAS.

“É com muita alegria que entregamos este novo espaço aos moradores de Paciência e Santa Cruz. Um novo equipamento que vai oferecer mais conforto à população usuária dos serviços da SMASDH, assim como para as equipes que atuarão nessa nova unidade. Sinto uma imensa alegria pela sensação de dever cumprido, de termos honrado esse compromisso assumido com a gestão de nosso prefeito Crivella, uma obra que certamente contará com a aprovação de seus beneficiários” – enfatiza João Mendes.

Iacyra — O CRAS recebe o nome de Iacyra Frazão de Sousa, assistente social que atuou na SMASDH e na Secretaria de Habitação, sempre lembrada por todos pela dedicação e compromisso com seu trabalho. A unidade a ser inaugurada irá oferecer serviços, programas e projetos, que compõem a rede de Proteção Social Básica, dentre eles o Serviço de Proteção Integral à Família (PAIF) e o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos para Crianças, Adolescentes e Idosos.

A diretora do novo CRAS, Cíntia Serafim, afirmou que a nova unidade será responsável por cerca de 1200 a 1500 atendimentos mensais à população de várias localidades próximas, como os conjuntos habitacionais de Urucânia, Palmares, Manguariba e outras micro regiões de Paciência. Ela ressaltou que os atendimentos às comunidades não foram interrompidos durante a obra. Cíntia informou que no período da construção do prédio os atendimentos eram feitos no Centro Médico de Saúde Décio Amaral Filho, também em Paciência.

De acordo com a coordenadora da 10a CASDH, Rose Dória, havia uma demanda reprimida por atendimento na região e certamente a procura pelos serviços no novo CRAS vai aumentar. Segundo ela, os programas Bolsa Família e Cartão Carioca são os mais procurados e em seguida os Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos que contam com várias equipes para atender à população. “Além dos seis CRAS que temos no Território da 10a CASDH, temos ainda 14 polos vinculados exclusivamente ao CRAS Iacyra Frazão, instalados em escolas, associações de moradores, igrejas, entre outros locais” — informa.

Irmãs homenageadas — A solenidade de inauguração do novo CRAS contou ainda com a presença das irmãs de Iacyra Frazão, que também foram homenageadas na cerimônia. Zelinda Frazão Souza, Ivone Souza Silva e Maria de Belém Frazão Souza não conseguiram disfarçar a emoção com a homenagem à irmã. “O CRAS anterior era muito bom, mas esse novo prédio ficou ótimo, muito melhor. Agradecemos ao prefeito Marcelo Crivella por essa homenagem à nossa irmã” – afirma Maria Belém. Além das irmãs, a sobrinha de Iacyra, Alessandra Freitag, também esteve presente à inauguração da unidade.

De acordo com a subsecretária de Proteção Social Básica, Rita Valéria Machado Stefenon, a inauguração da nova unidade da SMASDH representa uma conquista da Assistência Social. De acordo com ela, o projeto do prédio foi desenvolvido por arquitetos que têm conhecimento do trabalho das assistentes sociais e criaram um espaço adequado a essa atividade. “É um espaço de atendimento bastante acolhedor” – explica.

Entre as atividades do CRAS está também a inserção das famílias nos serviços de assistência social local e o encaminhamento da população para as demais políticas públicas e sociais, possibilitando o desenvolvimento de ações intersetoriais. Com relação ao convívio familiar, comunitário e de desenvolvimento da autonomia, as equipes do CRAS atuam de forma a materializar os direitos sócioassistenciais com a integração entre os programas de transferência de renda.

Estiveram presentes também à solenidade a subsecretária de Direitos Humanos da SMASDH, Quésia Almeida; a ex-diretora do CRAS Iacyra Frazão, Patrícia Morais; representantes da Associação Beneficente Jurema Amor nas Mãos; a diretora do CMS Décio Amaral Filho, Michele de Almeida; a representante da ONG Criar e Transformar, Shirlei Ramos; e a coordenadora regional de Educação do 10o CRE, Maria da Graça Muller.



%d blogueiros gostam disto: